Essa vida viu, Zé. Pode ser boa que é uma coisa. Já chorei muito, já doeu muito esse coração. Mas agora tô, ó, tá vendo? De pedra. Uma tora. Um macho. [...] Minha pureza era linda, Zé, mas ninguém entendia ela, ninguém acolhia ela. Todo mundo só abusava dela. Agora ninguém mais abusa da minha alma pelo simples fato de que eu não tenho mais alma nenhuma. Já era, Zé. É isso que chamam de ser esperto? Nossa, então eu sou uma ninja. Bate aqui no meu peito, Zé? Sentiu o barulho de granito? Quebrou o braço, Zé? Desculpa.

Tati Bernardi


0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Deixe seu comentário, sua opinião é super importante para nós.

Carla

Arquivo_004.png
CARLA. CARIOCA, CAPRICORNIANA E PSICÓLOGA. APAIXONADA, POR LIVROS, BRIGADEIRO DE PANELA E FILMES ANTIGOS.

Nathalia

NATHALIA. CARIOCA DA GEMA, GEMINIANA, PEDAGOGA E JORNALISTA. VICIADA EM SÉRIES E LIVROS SOBRE CRIMES.

Renata

754ce110-420a-41c6-acd7-97ab245a44d7.png
RENATA. MINEIRA, TAURINA E ROMÂNTICA. LOUCA POR VINHO E TATTOOS.