Resenha: Segredos de Princesa - Anna Claudia Ramos

Sinopse: Reunindo um pouco de imaginação a informação verídicas sobre a infância e adolescência da Princesa Isabel, a escritora Anna Claudia Ramos escreveu este instigante diário ficcional, em cujas páginas é possível conhecer o cotidiano da princesa e alguns traços de sua personalidade, como a generosidade, a natureza questionadora, o despertar da consciência social e as circunstâncias que culminaram na assinatura da Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil, em 13 de maio de 1988.

Segredos de Princesa faz parte da série Diários Descobertos. O objetivo da coleção é apresentar ao leitor um pouco da vida e da obra de pessoas importantes em determinada área. Com suas histórias contadas em forma de diário, os personagens dividem conosco seus pensamentos e idéias.

A Princesa Isabel, personagem do diário desta resenha, não manteve nenhum registro desse tipo durante sua infância ou adolescência, apenas quando adulta, mas com um pouco de imaginação e reunindo documentos históricos e informações contidas em livros, Anna Claudia Ramos nos apresentou Isabel menina.

Ao longo das páginas de seu diário, ela descreve a puxada rotina de estudos levada por ela e sua irmã, Leopoldina, os verões passados no Palácio de Petrópolis e as festas e brincadeiras no Palácio de São Cristóvão, na Quinta da Boa Vista. 





Há muito espaço também para a preocupação e tristeza da jovem princesa quanto aos escravos. Anna Claudia nos mostra que a sementinha da Lei Áurea, que extinguiu a escravidão no Brasil e assinada por Isabel, há tempos estava plantada na mente da princesa.




A diagramação é super caprichada. As páginas têm o formato de um diário aberto e não faltam fotografias dos lugares e pessoas citadas. Há ainda trechos de um documento autobiográfico escrito pela Princesa Isabel, o telegrama que ela enviou ao pai logo após sancionar a Lei Áurea e informações a mais a respeito de alguns dados contidos no diário.

É um livro curto (64 páginas) e escrito numa linguagem simples e acessível. Voltado para o público infantojuvenil, mas capaz de agradar a todos que se interessam por nossa História, ainda mais quando contada de um jeitinho diferente.

9 comentários:

  1. Hey
    Ah resumindo é um must-read!
    Fiquei bem curiosa, não conhecia essa coleção e as fotografias devem ajudar muito no desenvolvimento da leitura.

    Adoro diagramação com formato de diário.

    beijos
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Marquei vcs em uma tag de livros nacionais. Espero que participem.

    Beijos!

    http://amantesporlivrosefilmes.blogspot.com.br/2014/04/tag-livros-nacionais.html

    ResponderExcluir
  3. Oie
    Não conhecia o livro, mas esse formato de diário me agrada muito, além do fato de trazer uma personagem ícone da nossa história. Já li um livro que contava mais ou menos a vida da princesa (a última princesa), e gostei muito.
    bjo
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  4. Eu não conhecia o livro e até achei que poderia gostar dele, a premissa é até bacana, mas ao saber que ele é puxado para o público infantil, acabei desanimando. Gosto bastante de histórias assim, mas não sei se tenho muito paciência para ler uma trama mais infantilizada. De qualquer forma, a dica está anotada! Bjs
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não conhecia o livro, fiquei bastante curiosa! Parece ser uma leitura bastante interessante.
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ah, que legal..
    bem curtinho o livro, me atraiu ainda mais saber que possui uma linguagem
    simplificada, mas nunca encontrei ele em lugar algum. Gostaria de lê-lo.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia a coleção, que interessante! Fiquei com muita vontade de ler, viajar nessa história e conhecer todas as fotografias! Adorei a resenha! :D

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  8. Nossa, que bacana... Não conhecia o livro. Já li 1822 e 1889, mas os mesmos não dão tanta ênfase nela. Talvez eu o leia como complemento... Adorei sua resenha! Ficou super esclarecedora.
    Um beijo, amei o blog!
    ilov3books.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe seu comentário, sua opinião é super importante para nós.

© Entre Aspas - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo