Falando de... clubes

Até o solitário mais convicto precisa admitir: estar com pessoas que gostam da mesma coisa que a gente é muito legal! Clubes de livros e de filmes existem há tempos e são uma ótima maneira de descobrir novos títulos, discutir enredos e desfechos e até mesmo conhecer pessoas novas. Existem ainda clubes formados apenas como desculpa para encontros com datas certas com aqueles amigos especiais. E se engana quem pensa que grupos assim precisam de muita gente, a lista de hoje - que tem opções para todos os gostos - prova que clubes se mantêm até quando só possuem dois integrantes. Vamos a ela:



O Clube do Filme - Eram tempos difíceis para David Gilmour: sem trabalho fixo, com o dinheiro curto e o filho de 15 anos colecionando reprovações em todas as matérias do ensino médio. Diante da desorientação e da infelicidade desse filho-problema, o pai faz uma oferta fora dos padrões: o garoto poderia sair da escola - e ficar sem trabalhar e sem pagar aluguel - desde que assistisse semanalmente a três filmes escolhidos pelo pai. Com essa aposta diferente na recuperação e na formação de um rapaz que está "perdido", formaram o clube do filme. Semana a semana, lado a lado, pai e filho viam e discutiam o melhor (e, ocasionalmente, o pior) do cinema: de A Doce Vida (o clássico de Federico Fellini) a Instinto Selvagem (o thriller sensual estrelado por Sharon Stone); de Os Reis do Iê, Iê, Iê (hit cinematográfico da Beatlemania) a O Iluminado (interpretação primorosa de Jack Nicholson, dirigido por Stanley Kubrick); de O Poderoso Chefão (um dos integrantes das listas de "melhores filmes de todos os tempos") a Amores Expressos (cult romântico e contemporâneo do chinês Wong Kar-Way). Essas sessões os mantinham em constante diálogo - sobre mulheres, música, dor de cotovelo, trabalho, drogas, amor, amizade -, e abriam as portas para o universo interior do adolescente, num momento em que os pais geralmente as encontram fechadas. 

Delícia, delícia - Quando a extraordinária confeiteira Leilani Trusdale trocou a agitação de Nova York pela pacata e doce Ilha de Sugarberry, não esperava que seu passado a seguisse. Seu antigo chefe, Baxter Dunne, também conhecido como Chef Hot Cakes, o homem que ensinou a ela que o creme compensa, reaparece desejando filmar seu famoso programa de culinária. O problema é que ele escolheu filmar na Cakes by The Cup, a minúscula e aconchegante confeitaria de Leilani. Com seu olhar de brigadeiro de colher e aquele irresistível sotaque britânico - que faz a moça babar e seu rosto corar como calda de cereja -, ele fez as fofocas de cozinha rolarem soltas.  Lani, lá no fundo, só deseja que algumas sejam deliciosamente verdadeiras... Os amigos estão convencidos de que o ex-chefe é o ingrediente que falta para a definitiva receita de felicidade dela. Porém, Baxter terá que botar a mão na massa se quiser tirar do forno um grande, verdadeiro, quentinho e saboroso amor. No Clube do Cupcake, cozinhar é apenas um detalhe. Entre altos papos e doces lambidas, amizades crescem como pão quentinho e a vida vai ficando, hummmm, mais saborosa. Mas quando é preciso decidir entre a vida que você sempre sonhou e o amor da sua vida, só as melhores amigas, as melhores receitas e uma caixa cheia de Red Velvets podem ajudar. É hora de praticar boloterapia!

O Clube do Biscoito - Todos os anos, na primeira segunda-feira de dezembro, Marnie e suas doze amigas mais íntimas se reúnem para uma festa, trazendo um montão de biscoitos caseiros lindamente embrulhados. Além dos biscoitos, todas devem comparecer com quitutes, vinho e, lógico, muitas e deliciosas histórias. Este ano, por diversos motivos, o encontro será especialmente importante. A filha mais velha de Marnie está passando por uma gravidez de risco. Quem sabe, ao fim da reunião, vamos descobrir como terminará essa história. O pai de Jeannie está traindo a esposa com a melhor amiga da filha. Quem mais sabe sobre o caso? Mesmo entre amigas tão íntimas quanto elas, será possível simplesmente passar uma borracha e perdoá-los? O marido de Rosie não quer filhos; ela precisará decidir, muito em breve, se isso é motivo para terminar tudo. E não para por aí: após ser deixada pelo marido, a vida financeira de Taylor está em derrocada. Cada mulher, cada amiga tem uma história para contar, e elas estão todas entrelaçadas, assim como suas vidas.




O Clube de Leitura de Jane Austen - Cinco mulheres e um homem se reúnem para debater as obras de Jane Austen na Califórnia do início dos anos 2000 e acabam descobrindo, entre casamentos frustrados, arranjos sociais e afetivos, que suas vivências não são assim tão diferentes das experimentadas por Emma ou outras personagens da escritora britânica que tão bem descreveu a sociedade de sua época, dois séculos atrás. No livro, que figurou na lista do mais vendidos do The New York Times e deu origem ao filme homônimo estrelado por Kathy Baker e Emily Blunt, a premiada escritora norte-americana Karen Joy Fowler disseca as relações contemporâneas com acuidade, humor e ironia dignos da autora de Orgulho e preconceito e outras obras que continuam fascinando leitores de todas as idades. Uma homenagem a uma das maiores escritoras da língua inglesa e uma deliciosa comédia de costumes dos nossos tempos.

O Clube do Livro do Fim da Vida - "O que você está lendo?”. Esta é a pergunta que Will Schwalbe faz para a mãe, Mary Anne, na sala de espera do instituto do câncer Memorial Sloan-Kettering. Em 2007, ela retornou de uma viagem de ajuda humanitária ao Paquistão e ao Afeganistão doente. Meses depois, foi diagnosticada com um tipo avançado de câncer no pâncreas. Toda semana, durante dois anos, Will acompanha a mãe às sessões de quimioterapia. Nesses encontros, conversam um pouco sobre tudo, de coisas triviais como o café da máquina ao que, para eles, realmente importa: a vida e os livros que estão lendo. A lista vai do clássico ao popular, da poesia ao mistério, do fantástico ao espiritual. Eles compartilham suas esperanças e preocupações através dos livros prediletos. As conversas tornam-se um momento de profunda confiança e intimidade. Mãe e filho se redescobrem, falam de fé e coragem, de família e gratidão, além de serem constantemente lembrados do poder que os livros têm de nos reconfortar, surpreender, ensinar e dizer o que precisamos fazer com nossas vidas e com o mundo.

O Clube da felicidade e da Sorte - Quatro mulheres chinesas emigram para os EUA na década de 40 e refazem suas vidas em São Francisco. Para não sepultar completamente os mitos e tradições que deixaram para trás e poder entender melhor suas filhas, para quem os únicos valores que contam são os do american way of life, elas se reúnem semanalmente em torno de uma mesa de mahjong, criando O clube da felicidade e da sorte . Ao atingir, na idade madura, o equilíbrio ideal, incorporando a mística chinesa à modernidade americana, a autora pôde construir um romance belo, raro e envolvente, onde sobressaem não só as dúvidas e inseguranças típicas de qualquer imigrante, de qualquer raça, mas a universalidade dos conflitos que são inerentes à relação mãe-filha. O segredo do sucesso do livro deveu-se não só a sua temática original, mas à combinação extremamente equilibrada de lirismo, elementos fantásticos e uma prosa extremamente bem realizada para uma estreante. 




O Clube das Chocólatras - Chocolate. Esta não é uma palavra tão simples quanto parece. Ela pode significar a cura para uma dor de cabeça e até determinar o perfil psicológico de uma pessoa - pelo menos para Lucy Lombard, protagonista do divertido O clube das chocólatras, de Carole Matthews. Lucy e três grandes amigas - Autumn, Nadia e Chantal - se unem para, com a ajuda de muito, muito chocolate, enfrentar difíceis problemas cotidianos: um namorado galinha, um chefe paquerador, um marido viciado em jogo, um casamento sem amor... Afinal, existe algo melhor para aliviar tensões, curar corações partidos e originar uma história tão doce e divertida como esta?

Sapatólatras Anônimas - Um romance que vai fisgar as leitoras... pelos pés. Quatro mulheres diferentes. Um número de sapato comum e um desejo enlouquecedor por sapatos fabulosos. Neste romance, a mulher de um político controlador, uma viciada em compras, uma atendente de disque-sexo com fobia de lugares abertos e uma babá de uma família infernal (que não liga para sapatos, mas faz qualquer coisa para sair de casa!) se encontram nas noites de terça-feira para trocar sapatos, e, no decorrer, construir amizades que as ajudarão a superar seus mais variados problemas.

Lonely Hearts Club - Penny Lane Bloom cansou de tentar, cansou de ser magoada e decidiu: homens são o inimigo. Exceto, claro, os únicos quatro caras que nunca decepcionam uma garota — John, Paul, George e Ringo. E foi justamente nos Beatles que ela encontrou uma resposta à altura de sua indignação: Penny é fundadora e única afiliada do Lonely Hearts Club — o lugar certo para uma mulher que não precisa de namorados idiotas para ser feliz. Lá, ela sempre estará em primeiro lugar, e eles não são nem um pouco bem-vindos. O clube, é claro, vira o centro das atenções na escola McKinley. Penny, ao que tudo indica, não é a única aluna farta de ver as amigas mudarem completamente (quase sempre, para pior) só para agradar aos namorados, e de constatar que eles, na verdade, não estão nem aí. Agora, todas querem fazer parte do Lonely Hearts Club, e Penny é idolatrada por dezenas de meninas que não querem enxergar um namorado nem a quilômetros de distância. Jamais. Seja quem for. Mas será, realmente, que nenhum carinha vale a pena?


E então? De qual deles você faria parte?

30 comentários:

  1. É sempre bom encontrar alguém com os mesmo gostos que a gente, em especial quando são livros. Adoro encontrar uma pessoa que ama ler assim como eu.
    Eu faria parte de um clube do livro, acho que seria bem legal. E desses que você falou, sem dúvidas eu participaria do clube dos chocólatras haha

    ResponderExcluir
  2. Oi, Carla!
    Desses, eu só li Lonely Hearts Club e amei! O livro é muito fofo!
    Beijos
    Balaio de Babados
    Promoção Quatro Anos de Minhas Escrituras

    ResponderExcluir
  3. Oi Carla! Eu amei o tema! Fiquei com vonta de ler O clube do biscoito e vi o filme Clube de Leitura da Jane Austen e adorei, acredito que o livro tb seja bom!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Oi Carla. Adorei o post! Tenho na minha estante o clube do filme e quero muito ler o clube de leitura da Jane Austen. Beijos
    http://ocantodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Carla! Desses quero muito ler Lonely Hearts e O Clube de Leitura de Jane Austen.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Olá Carla, tudo bem?

    Adorei a sua publicação, ficou bem legal, achei bem criativa e também confesso que não conheço nenhum dos livros citados acima, vou precisar pesquisar mais!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  7. Adorei a sua postagem, eu estou louca para ler O CLube de Leitura Jane Austen, nunca li nada da autora e preciso muito ler algo dela antes de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  8. Oi Carla,
    Desses eu tenho o Clube do Filme e o Lonely Hearts, até tava pensando em lê-los esse ano, são finos e caso eu não curta, posso doar.
    To desejando e muiiiito esse do Clube de Leitura da Jane Austen.

    tenha um ótimo final de semana :D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  9. Nossa, quantos livros que levam essa temática de clubes. Acho bacana :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Carla, tudo bem?

    Eu não fazia ideia que existissem tantos livros com o tema de Clubes, estou levemente chocada. Eu conhecia apenas "O Clube do biscoito" por já ter lido uma resenha do livro. No geral, fiquei bem curiosa, adoro livros com clubes!

    beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  11. Oiii, tudo bem?
    Que incrível essa postagem gente, não sabia que tinha tantos livros com esse nomee fiquei encantada com as capas e os enredos,adoraria ler mesmo!
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  12. Oi! Amei o post, desses o que mais quero ler é o clube de leitura da Jane Austen. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Acho clubes do livro e filme muito legais!
    Pena que nunca consigo particiar. Quero ler alguns livros que vc citou.
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Oi Carla!

    Como é bom encontrar pessoas que tenham os mesmos gostos e interesses que nós, em especial quando se trata de livros e filmes. Adoraria participar de um clube do livro algum dia se tiver a oportunidade ♡
    Sobre os livros citados...acredita que ainda não li nenhum? Porém fiquei super curiosa e vou colocar na minha listinha.
    Adorei o post!

    Beijinhos, Ana
    💞Mundo dos Sonhos

    ResponderExcluir
  15. adorei esse post, e principalmente o clube de leitura da Jane Austen. bem criativo o post beijos

    Taynara Mello
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  16. Muito interessante esses livros !!!
    Recentemente adquiri "O clube de leitura de Jane Austen"
    Já estou curiosa para começar a leitura !!!
    super bjoooooo

    ResponderExcluir
  17. Adoreei o post! Delícia, delícia já está nos meus desejados há um tempinho. Fiquei curiosa com O Clube do Biscoito. Já li Lonely hearts club, mas infelizmente não gostei muto :(

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. adorei!! anotei vários na minha lista! eu realmente não conhecia livros assim, com clubes. o que mais gostei foi o Delicia, Delicia. eu AMO confeitaria! com todo meu coração. se eu pudesse seguiria como profissão sabe? e não tem nada mais fofo que doce e romance! esse tá no topo da minha lista. valeu pelas dicas

    ResponderExcluir
  19. Oi Carla,
    Quero muito ler 'O Clube de Leitura de Jane Austen'.
    Tem um filme, não tem? Só não sei se é desse livro mesmo.
    Clubes sempre dão muita confusão! HAHAHA
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi Carla!
    Adorei as indicações! O único aí que eu li foi O Clube das Chocólatras e adorei, mas olha... o que eu comi de chocolate lendo esse livro!

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  21. aaah,fiquei super interessada em O clube do filme.. ♥
    quanto aos demais,não me despertaram interesse...mas talvez eu lesse o Chocólatras...
    bjs...

    ResponderExcluir
  22. "O Clube do Livro do Fim da Vida"... sou apaixonada pela Sinopse. Parece um livro bem intenso! S2

    Bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Oi Carla!
    Parabéns pelo post, ficou lindo!
    Não conheço a maioria dos livros que você citou, mas gostei da premissa de alguns.
    Eu estou fazendo parte de um clube de leitura, #nomeprovisório... iniciamos para fazer o #setembropolicial e acabamos decidindo continuar e a cada mês um dos membros iniciais escolhe 3 livros para votação, e o mais votado é lido e discutido por todos no grupo do facebook, que está aberto a qualquer leitor que queira participar fazendo a leitura do mês, aparece lá pra dá uma olhada ;) - https://www.facebook.com/groups/837128993095942/?fref=ts
    bjs

    ResponderExcluir
  24. Oi Carla, td bem?
    Eu participaria do clube do filme, das chocolátras, e dos Lonely hearts, hahaha
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Ai eu quero muito ler O Clube de Leitura de Jane Austen! <3 Aproveitei seu post para acrescentar livros na minha lista de desejado, pois muitos eu ainda não conhecia...

    Beijos e até logo! ;)

    ResponderExcluir
  26. Sempre quis fazer parte de algum clube, mas nunca consegui encontrar pessoas próximas com gostos parecidos, sou meio frustrada neste quesito hehehe

    Adorei a seleção que você fez, acredita que não li nenhum destes até o momento? Claro que já adicionei vááários na minha lista de desejados! :D

    ResponderExcluir
  27. Olá, tudo bem? Adoro clubes, aliás hoje em dia faço parte de 2 que falam mensalmente de algum livro de editora da Intrínseca Gutenberg. Dos livros citados, alguns nem sabia que falavam de clubes (Delícia Delícia) e outros quero desde que falaram que iam lançar (Clube de Leitura da Jane Austen). Adorei o post! <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Oi, tudo bem?

    Eu nunca fui dessas de ter clubinho. Hoje, eu até faço parte de alguns fandons, mas não são panelinhas. Sempre foi a outside e não gosto de me misturar muito, mas há tempos quero ler O clube do livro do fim da vida, por tratar do câncer e por parecer uma história emocionante. Já li Lonely hearts club e, talvez, eu seja bastante desse clube - mas só porque o amor romântico não é grande coisa na minha vida e prefiro dar mais importância ao meu trabalho.
    Achei muito legal esse post, parabéns pela criatividade <33

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Olá, nunca li nenhum dos indicados... conheço um que não está na lista 'Clube da luta', kkkkkkkk e morro de curiosidade de conferir 'O Clube de leitura de Jane Austen'.

    Abraços

    ResponderExcluir
  30. Confesso que eu adoro clubes, quando era pequena sempre quis fazer parte de um clube do livro mas meus amigos não eram leitores e infelizmente ate hoje não são, a maioria dos livros eu ja conhecia e ja quero ler e os outros ja anotei a dica

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe seu comentário, sua opinião é super importante para nós.

© Entre Aspas - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo