Tem na Netflix: A Escolha


Sinopse: Passado na costa da Carolina do Norte, o filme aborda as consequências de diversas escolhas feitas por Travis Parker, um veterinário, e pela sua vizinha Gabrielle Holland, assistente médica. Travis levava uma vida tranquila até Gaby fazer parte dela. E o mesmo se poderá dizer de Gaby que mantinha uma relação de longa data com o namorado até se apaixonar perdidamente por Travis. Que decisão irá ela tomar? Permanecer ao lado do homem que já conhece ou lançar-se numa nova aventura com um desconhecido? Durante a primeira parte do romance acompanhamos o processo de escolha de Gabby, e os efeitos que terá na vida de ambos. A segunda parte da história tem lugar onze anos depois, quando Travis tem de tomar uma decisão de vida ou morte no seguimento de um acidente de viação. Uma Escolha por Amor confronta-nos com a questão mais profunda de todas: até onde iria para manter viva a esperança do amor? 

Sempre me surpreendo com os filmes baseados nos livros de Nickolas Sparks e com o filme A Escolha não poderia ser diferente. Emocionante do início ao fim, não deixa margem para tédio nem clichês.

Travis é um médico veterinário tem uma vida boêmia e alegre junto a sua família e amigos. A partir de um churrasco em seu quintal, com um som bem alto, acaba incomodando a sua vizinha Gabby. E é a partir da reclamação de Gabby com Travis que o romance se inicia. Sabe aquele incômodo que o outro às vezes lhe dá, mas que na verdade não é incômodo?! É a vontade de estar junto?! Pois é nessa base de sensações que a amizade se inicia e a partir dela o romance vem com tudo.

Gabby, residente do curso de medicina, inteligente, decidida, comprometida em um relacionamento tranquilo e estável se vê dividida entre um amor intenso e apaixonante e sua vida praticamente já estabilizada.

A irmã de Travis tem um papel secundário mas importante na estória de ambos. Suas colocações sempre na hora exata trazem emoção e uma pitada de provocação sadia. Aquele empurrãozinho na hora H.

O romance mostra o que cada passo que damos ou atitudes que escolhemos ou não, desencadeia em nossas vidas para sempre. Todos temos  o poder de escolher a vida que quer viver. Cada atitude é uma escolha. E todas as coisas que nos acontecem estão aí para nos mostrar algo que precisamos aprender para viver melhor. Cada um de nós tem o poder de escolher e foi presenteado com o livre-arbítrio. Isso significa que somos livres para escolher, mas qualquer que seja a escolha teremos que conviver com ela.

As escolhas são feitas tanto ao falar quanto ao calar. Uma escolha pode mudar uma vida! E é a escolha de Travis que determina a sua felicidade ou não neste filme.




18 comentários:

  1. Adoro filmes que nos levam a refletir! Dica anotada! #carnavalnanetflixpromete

    Beijo*
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/
    http://oracullo.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Renata!
    Todo mundo só é elogios aos filmes inspirados nos livros do Sparks, mas eu tenho um certo preconceito e nunca conferi. Na verdade, os livros e os filmes não me chamam tanta atenção.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Literário de Carnaval

    ResponderExcluir
  3. Acredita que não gosto nem dos livros do Nicholas Sparks e nem dos filmes adaptados? Não é um tipo de história que me agrade. Sempre acho a mesma coisa :(
    Mas por um lado esse filme tem uma coisa que me chama atenção, a fotografia dele é bonita e os atores bem escolhidos.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  4. Oi Renata! Tudo bem? Eu ainda não assisti, mas se tem na Netflix fica bem mais fácil né? Quero conferir, mas acho que lágrimas vão rolar rsrsrsrrs

    BJs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. oi Reh tudo bem?

    Flor eu li o livro ri e chorei ao ler esse livro, e quero muito assistir o filme, mas sempre acabo esquecendo. adorei saber que tem na netflix. beijos

    Taynara Mello
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Renata,
    Ainda não vi o filme, na verdade, estou me afastando de Nicholas Sparks.
    Acho tudo muito triste e igual, estou em busca de algo diferente que mescle meus sentimentos.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi! Eu ainda não vi este filme, como tenho o livro quero ler antes por conta de spoilers, mas geralmente gosto bastante das adaptações dos romances de Sparks.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  8. Oi
    eu tenho que assistir esse filme, já li o livro e gostei muito, pois a história é bem envolvente, então a do filme deve ser assim também.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. OOi!
    Nunca li nada do Sparks, Acredita? haha
    O filme também nunca assisti, mas tenh vontade pois já vi vários comentários positivos com o seu, além disso, parece mesmo ser maravilhoso e reflexivo.
    Espero ter a oportunidade de lê-lo.
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  10. Eu apesar de conhecer o livro - mesmo que nunca tenha lido -, não sabia que tinha filme dele. E apesar disso, a adaptação não me chamou atenção, por me parecer clichê. Mas não excluo a hipótese de conferir algum dia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. oi tudo bem, olha eu nunca assisti ao filme e nem li ao livro, porque normalmente as obras adaptadas do Sparks, não estão na minha lista principal de escolhas, sempre fujo de Dramas. Mas raramente os assisto e os filmes que assisti das obras do autor eu até que curti, mas só pra quando eu tô numa vibe de sofrer mesmo. Então, a dica ficou anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oie tudo bem?
    Sabe nunca li o livro, mas há um tempo vi o trailer e fiquei louca pra estreiar e acredita que o cinema da minha cidade nem passou ele! Ainda bem que vi esse post e me lembrei do filme, vou ver online mesmo.
    Fiquei bem feliz por você não ter achado clichê...
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Eu sempre passo por esse filme no catálogo na Netflix, mas sempre deixo para depois, porque estou um pouco saturada de Nicholas Sparks. haha
    Mas me animei um pouco ao ver que não deixa espaço para tédio e clichês.
    Talvez eu dê uma chance em breve! :)

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Tinha comentado aqui antes, mas parece que meu comentário não foi :( Ahh, eu nunca li nada do Sparks e também não assisti nenhuma adaptação! Não me mate ������ mas foi por falta de oportunidade! Vou ver se leio este ano e irei deixar essa dica anotada aqui!

    Beijos,
    Lu - www.justificou.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Assisti a esse filme, mas não me chamou tanto a atenção quanto o melhor de mim e um porto seguro. O que gosto nos filmes é que eles tentam traduzir a essências dos seus respectivos livros.
    Amanda M

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe seu comentário, sua opinião é super importante para nós.

© Entre Aspas - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo